Life

No more sorrow

Desde que cheguei ao Luxemburgo tem sido difícil para mim manter-me actualizado com as noticias, e com o que se passa no mundo em geral. Como não vejo televisão, soube da notícia por volta do final do dia.

Lembro-me de ter 14 anos, e uma das músicas que tinha no meu antigo iPod era a “Leave out all the rest”. Acreditem ou não, essa música ajudou-me a passar por um dos períodos mais negros da minha adolescência e provavelmente da minha vida. No local onde estava naquela altura, não tinha Internet e então a únicas coisas que nos era permitido ter era um livro, e um leitor de MP3. Como o meu iPod tinha pouca capacidade, 70% das músicas eram dos Linkin Park. Então tinha essa música constantemente em loop.

Quando vi a notícia no Twitter, pensei que era mentira. Isto porque no passado já tinham feito uma notícia anunciando a morte do Chester, portanto não liguei muito pois não era de uma fonte fidedigna. Quando vi o Tweet do Mike Shinoda é que caiu tudo. Era verdade. Chester Bennington, vocalista dos Linkin Park tinha-se enforcado na sua própria casa.

Chester Bennington, foi mais um dos muitos artistas que se rendeu aos seus fantasmas. Este é mais um caso de uma doença que nem todos lhe dão o devido valor. A depressão.  E ver comentários como “Ele foi egoísta em se matar”, e “Como é que uma pessoa com tanto dinheiro pode estar com uma depressão”, mostra que nem todas as pessoas levam a depressão e a ansiedade a sério.

Chester pode ter morrido, mas um artista só morre verdadeiramente quando se deixa de ouvir o seu trabalho.

Now “In the end” your body is “Numb” but you have “No more sorrow“. “Breaking the habit” was difficult for you, but you were “One step closer“. Your voice will always be “Crawling” on me “From the inside” until the day I “Bleed it out“.

Rest in peace

2 Comentários

  1. Antes de mais parabéns pelo blog, é excelente 🙂

    Tens toda a razão, e infelizmente as pessoas cada vez percebem menos que o dinheiro nada tem a ver com o estado psicológico da pessoa, terem muito dinheiro não quer dizer que não tenham os seus problemas, que também não fiquem doentes, acontece a todos, e a depressão é das coisas mais graves que existe, mas mais grave ainda é as pessoas criticarem tanto e não perceberem sequer que a pessoa precisa de ser ajudada, é triste, já se perdeu grandes artistas que sofriam do mesmo, mas tens toda a razão, um artista só morre quando deixamos de ouvir/ver o seu trabalho;)

    beijinhos

    http://prettyhealthywoman.blogspot.pt/

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: