Faculdade Life

Recapitulando os ultimos meses

Desde Setembro para cá tem sido complicado para mim publicar regularmente no blogue. Isto não quer dizer que perdi o interesse no blogue, apenas significa que devido a umas circunstâncias pessoais, tenho tido pouco tempo para criar posts novos. Então achei mais que seria mais que justo, criar um post onde falava das mudanças que ocorreram nos últimos meses até agora.

A mudança mais importante é que vou mudar de curso. Como sabem eu estudei durante quase quatro anos na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, no curso de Línguas Literaturas e Culturas, na variante de Inglês. Era um curso que eu gostava e que para sempre irá ter um significado especial para mim, pois foi o primeiro contacto que tive com a Universidade.

Infelizmente devido ao facto de os meus pais terem emigrado, fui “obrigado” a mudar de variante e a adicionar Francês e Alemão à mistura. Isto veio a complicar todo o meu percurso e o meu trabalho que tinha feito ao longo dos anos. Não gosto muito da língua francesa, e o alemão é uma língua bastante complexa de aprender, estava a gastar imenso tempo e dedicação a estudar uma coisa que não gosto, por isso, decidi ao fim de um mês que seria melhor focar toda a minha energia e motivação a estudar uma área que realmente gosto. Essa área é a Psicologia.

Alguns amigos e colegas meus ficaram bastante chocados com a minha decisão, pois estive quase quatro anos em Letras e assim do nada, decidi mudar de curso. Mas a verdade é que olhando para trás, eu não me arrependo nada da minha decisão, adorei todo o meu percurso que fiz em Letras, fiz imensos amigos, participei em imensos projectos, e de certa forma, criei uma “família” lá dentro. Esses laços vão se manter, afinal de contas, por muito “cliché” que seja, “os amigos da faculdade são para a vida”.

A pergunta que muitos me fazem agora é, “mas porquê psicologia?

Quem me conhece bem, sabe que é uma área pela qual eu sempre tive bastante interesse. Afinal de contas eu próprio fui acompanhado durante imenso tempo, eu tenho um transtorno obsessivo-compulsivo, causado pela minha ansiedade. E o facto de que a sociedade ainda desvaloriza a saúde mental de um indivíduo, e que não dão a devida importância à ansiedade e depressão significa que não é uma área ainda muito bem conhecida, alias o ser humano conhece o universo, mas não conhece a sua própria mente. A psicologia é a ciência que estuda o comportamento e a mente humana.

Espero que tenham gostam desde pequeno “update”, tentarei ao longo dos próximos dias publicar com mais freqüência visto que me encontro de férias de Natal.

3 Comentários

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: